COMO LIMPAR O NARIZ DO RECÉM-NASCIDO


limpeza nasal no recém-nascido

Mamães e papais, vocês já sabem o que fazer quando o recém-nascido estiver com as narinas obstruídas? O muco em excesso pode trazer muito incômodo ao bebê, por isso, é fundamental que vocês saibam como limpar o nariz da criança.

É uma técnica simples e, para descobrir como fazer, continue lendo o post e proporcione o conforto e saúde que o seu filhote precisa.



Por que limpar?


O cuidado com o nariz do bebê ajuda a evitar a desidratação da mucosa nasal e a manter a região mais limpa, evitando o acúmulo de secreções e impurezas, como as crostas, causadas em gripes, rinites e resfriados.

Se o nariz estiver obstruído, o bebê pode se sentir bastante irritado e cansado. Tornando mais difícil sugar o leite materno ou a mamadeira e também tem o sono muito prejudicado.



Como limpar o nariz do bebê recém-nascido?


A forma mais recomendada de limpar o narizinho do bebê é por meio do soro fisiológico 0,9%, que vai ajudar a desfazer o muco. Também é aconselhável realizar a higienização após o banho morno, porque o vapor pode ajudar a dissolver a secreção.

Frascos de soro fisiológico, devem ser mantidos em geladeira após abertos.

Para deixar o soro em temperatura ambiente, uma dica é colocar o frasco em contato com o corpo por alguns minutos ou fazer uma espécie de banho-maria, colocando o frasco dentro de um recipiente com água morna. Mas, atenção: não esquente demais porque isso pode irritar o nariz do bebê.



É possível aplicar o soro das seguintes formas:


Seringa plástica

Essa é uma opção para retirar grande volume de muco, já que a seringa leva uma maior concentração de soro fisiológico. Opte pela seringa de bico, e não a de rosca, porque pode machucar a narina do bebê. Para aplicar, é aconselhável:

  • aspirar e encher a seringa com soro fisiológico 0,9%;

  • aplicar a solução em um jato forte em uma das narinas (a secreção sairá pela outra narina);

  • repetir o procedimento até a secreção sair transparente;

  • realizar todo o processo na outra narina.


Aspirador nasal infantil de borracha

Se a secreção estiver grossa, é possível usar um aspirador nasal infantil de borracha, que suga o muco de dentro da narina do bebê. Ele pode ser o de bulbo (com o formato de uma pêra) ou o de sucção (com o formato de um tubinho ou canudo). Veja como limpar o nariz do bebê com cada um deles.

Aspirador de bulbo:

  • insira um pouquinho de soro fisiológico 0,9% no narizinho do bebê;

  • aperte o bulbo para retirar todo o ar de dentro e continue segurando-o;

  • coloque a pontinha do bico dentro de uma das narinas do bebê;

  • desaperte o bulbo para sugar a secreção;

  • retire-o;

  • limpe o bico com sabão e água corrente (tome cuidado para não deixar resíduo de sabão);

  • repita o processo na outra narina.


Aspirador de sucção:

  • insira um pouquinho de soro fisiológico 0,9% no narizinho do bebê;

  • coloque o tubinho em uma das narinas;

  • suavemente, tampe a outra narina do bebê com os dedos;

  • faça a sucção com a sua boca no tubinho (o aspirador possui uma trava que impede que o muco chegue até a sua boca);

  • limpe o tubinho com água corrente e sabão (tome cuidado para não deixar resíduo de sabão);

  • repita o processo na outra narina;

  • faça de duas a três vezes ao dia para não irritar as narinas do bebê.


A partir de que idade pode fazer?


A lavagem pode ser feita desde recém-nascido. Somente utilize menor volume quanto mais novinho for o bebê.

Se for só pra umidificar a mucosa, use de 1 a 3 ml. Caso a criança esteja muito gripada, com bastante muco, pode utilizar volumes maiores. Perceba o quanto é necessário para desobstruir e fazer a secreção sair, sem a criança se incomodar muito. A ideia é realmente tirar o catarro mecanicamente empurrando com o soro. Tome o cuidado de direcionar o jato para a lateral do nariz e não para o septo.



Qual a posição correta para a lavagem?


Para a lavagem com spray o ideal é deixar o bebê sentado. Jato contínuo ou seringa pedem que a criança esteja deitada ou sentada com a cabeça inclinada para trás. Crianças pequenas podem engasgar mais facilmente quando o soro vai para a garganta. Se isso acontecer, reduza o volume de soro ou tente fazer com ela sentada ou deitada de lado.



Tem número máximo de vezes por dia?


Não. Se o objetivo é apenas umidificar a mucosa porque o tempo está seco, bastam cerca de 3 vezes diárias. Mas, se a criança está resfriada e com muita secreção, faça quantas vezes for necessário.



Meu bebê vai engolir o soro. Isso faz mal?


Não. Engolir soro não faz mal algum. O que pode acontecer é a criança ficar náuseas por engolir o soro, então, sempre que possível faça a lavagem antes das mamadas ou refeições, minimizando as chances da criança vomitar. O próprio excesso de secreção e tosse pode desencadear vômito, por isso, não pense que está causando algum mal. Se ela respirar melhor e diminuir a tosse, isso vai trazer benefício.



Meu filho tem rinite alérgica. É bom fazer essa lavagem todos os dias?


Sim. Já é comprovado que limpar as vias aéreas em quem tem alergia ajuda a evitar infecções e crises.



Não afoga a criança? Não vai para o pulmão?


A criança não vai se afogar e o soro não vai para o pulmão. Como algumas crianças acabam chorando e brigando na hora de fazer a lavagem, pode acontecer delas tossirem como se estivessem engasgando. Isso é justamente um reflexo que nós temos pra não deixar o soro ir pelo caminho do pulmão. Não chacoalhe a criança e nem faça movimentos bruscos. Vire ela de lado e deixe que tussa e engula sozinha o soro.



Lavagens nasais não dão otite?


Se existir essa chance, é mínima e não tem nada comprovado a respeito. Agora o que é comprovado é que o acúmulo de secreção pode levar à otite. O benefício de tirar a secreção é muito maior do que o risco. O importante é observar o volume de soro e a posição do bebê na hora da lavagem.



Agora que você já sabe como limpar o nariz do seu filhote, saiba que esse processo precisa ser muito suave. Caso contrário, pode acabar machucando a região e piorar o quadro.

É bem provável que o seu bebê vai evitar o contato e resistir à higienização (ainda mais se eles já tiverem ideia do que pode acontecer). Se ele não facilitar, espere um pouco e tente novamente em outro momento.

Tenham muita paciência e cuidado para persistir na limpeza das narinas do bebê. Lembrem-se de que a causa é nobre e vai ajudá-lo a respirar melhor.

Não deixe de consultar o pediatra quanto à necessidade e à forma adequada de realizar a lavagem nasal no seu filhote.






Veja abaixo algumas indicações de aspiradores nasais disponíveis no mercado:


108 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo